Intensivo de Ultrassonografia Morfológica Fetal
03/11/2014 à 05/11/2014 Ultrassonografia Obstétrica com Doppler
05/11/2014 à 07/11/2014 Ultrassonografia de Músculo Esquelético e Articulações
27/11/2014 à 30/11/2014 Ultrassonografia Básica em Obstetrícia,Ginecologia e Mamária
01/12/2014 à 12/12/2014 Ultrassonografia Básica Geral + Complementares
01/12/2014 à 19/12/2014 Ultrassonografia em Ginecologia - Pélvica via abdominal e via transvaginal
08/12/2014 à 12/12/2014 Ultrassonografia Mamária
08/12/2014 à 12/12/2014 Doppler Colorido de Carótidas, Vertebrais e Torácicas Internas
12/12/2014 à 14/12/2014 Atualização em Ultrassonografia
15/12/2014 à 19/12/2014 Ultrassonografia da Tireóide
15/12/2014 à 19/12/2014 Ultrassonografia em Medicina Interna (Abdômen Total, Superior e Vias Urinárias)
15/12/2014 à 19/12/2014 Ultrassonografia Básica em Obstetrícia,Ginecologia e Mamária
12/01/2015 à 23/01/2015 Ultrassonografia Básica Geral + Complementares
12/01/2015 à 30/01/2015 Ultrassonografia em Ginecologia - Pélvica via abdominal e via transvaginal
19/01/2015 à 23/01/2015 Ultrassonografia Mamária
19/01/2015 à 23/01/2015 Ecografia Vascular de Membros Inferiores - Venoso
23/01/2015 à 25/01/2015 Atualização em Ultrassonografia
26/01/2015 à 30/01/2015 Ultrassonografia da Tireóide
26/01/2015 à 30/01/2015 Ultrassonografia em Medicina Interna (Abdômen Total, Superior e Vias Urinárias)
26/01/2015 à 30/01/2015 Procedimentos invasivos no diagnóstico das patologias da Tireóide
30/01/2015 à 31/01/2015 Ultrassonografia Prostática com biópsia e de Bolsas Testiculares
30/01/2015 à 01/02/2015 Intensivo de Ultrassonografia Morfológica Fetal
02/02/2015 à 04/02/2015 Intensivo em Morfologia Fetal + Doppler em Obstetrícia
02/02/2015 à 06/02/2015 Ultrassonografia Obstétrica com Doppler
04/02/2015 à 06/02/2015 Ultrassonografia Prostática com biópsia e de Bolsas Testiculares
06/02/2015 à 08/02/2015 Ultrassonografia Básica em Obstetrícia,Ginecologia e Mamária
02/03/2015 à 13/03/2015 Ultrassonografia Básica Geral + Complementares
02/03/2015 à 20/03/2015 Ultrassonografia Mamária
09/03/2015 à 13/03/2015 Ultrassonografia em Ginecologia - Pélvica via abdominal e via transvaginal
09/03/2015 à 13/03/2015 Procedimentos invasivos no diagnóstico das patologias Mamárias
13/03/2015 à 14/03/2015 Ultrassonografia da Tireóide
16/03/2015 à 20/03/2015 Ultrassonografia em Medicina Interna (Abdômen Total, Superior e Vias Urinárias)
16/03/2015 à 20/03/2015 Atualização em Ultrassonografia
16/03/2015 à 20/03/2015 Intensivo de Ultrassonografia Morfológica Fetal
23/03/2015 à 25/03/2015 Intensivo em Morfologia Fetal + Doppler em Obstetrícia
23/03/2015 à 27/03/2015 Ultrassonografia Básica em Obstetrícia,Ginecologia e Mamária
04/05/2015 à 15/05/2015 Ultrassonografia Básica Geral + Complementares
04/05/2015 à 22/05/2015 Ultrassonografia Mamária
11/05/2015 à 15/05/2015 Ultrassonografia em Ginecologia - Pélvica via abdominal e via transvaginal
11/05/2015 à 15/05/2015 Ultrassonografia da Tireóide
18/05/2015 à 22/05/2015 Ultrassonografia em Medicina Interna (Abdômen Total, Superior e Vias Urinárias)
18/05/2015 à 22/05/2015 Atualização em Ultrassonografia
18/05/2015 à 22/05/2015 Procedimentos invasivos no diagnóstico das patologias da Tireóide
22/05/2015 à 23/05/2015 Intensivo de Ultrassonografia Morfológica Fetal
25/05/2015 à 27/05/2015 Intensivo em Morfologia Fetal + Doppler em Obstetrícia
25/05/2015 à 29/05/2015 Ultrassonografia Básica Geral + Complementares
06/07/2015 à 24/07/2015 Ultrassonografia Mamária
13/07/2015 à 17/07/2015 Ultrassonografia em Ginecologia - Pélvica via abdominal e via transvaginal
13/07/2015 à 17/07/2015 Procedimentos invasivos no diagnóstico das patologias Mamárias
17/07/2015 à 18/07/2015 Ultrassonografia da Tireóide
20/07/2015 à 24/07/2015 Ultrassonografia em Medicina Interna (Abdômen Total, Superior e Vias Urinárias)
20/07/2015 à 24/07/2015 Atualização em Ultrassonografia
20/07/2015 à 24/07/2015 Intensivo de Ultrassonografia Morfológica Fetal
27/07/2015 à 29/07/2015 Intensivo em Morfologia Fetal + Doppler em Obstetrícia
27/07/2015 à 31/07/2015

Dicas Ultrassonográficas

002 - Vias Biliares

A árvore biliar intra-hepática é composta por inúmeros ductos que convergem entre si, para a formação dos ductos hepáticos direito e esquerdo, que drenam os lobos direito e esquerdo do fígado.
A união destes dois ductos formam o ducto hepático comum, que ao receber o ducto cístico da vesícula biliar, passa a se denominar colédoco ou ducto biliar comum.

O colédoco drena a bile para o intestino, desembocando na segunda porção do duodeno, no chamado arco duodenal, na papila de Váter, onde se encontra o esfíncter de Oddi, que regula a entrada de bile e suco pancreático no intestino, já que o ducto pancreático ou de Wirsung, também desemboca na papila ou no próprio colédoco, antes da papila.

Lembrar que o ducto biliar comum ou colédoco drena a bile do fígado e é comumente visualizado no hilo hepático, anteriormente à veia porta.
O calibre do colédoco pode medir até 5 mm. Com o aumento da idade, acima de 60 anos, ele pode chegar até 8 mm. É comum se encontrar ducto biliar comum dilatado após colecistectomia.

Sempre que o paciente apresentar icterícia, é necessária a avaliação do fígado, vias biliares e pâncreas, para diagnóstico da causa.

Pela ultra-sonografia não se visualiza normalmente os ductos biliares intra-hepáticos. Somente o ducto biliar comum ou colédoco pode ser visualizado normalmente e com calibre muito fino. Evidentemente, se houver obstrução biliar, os ductos se dilatam e aí sim, podem ser visualizados.

Lembrar que obstruções biliares recentes (menos de 12 horas), podem não apresentar ainda dilatação de vias biliares. Assim, é necessário o estudo ultra-sonográfico seriado para fechar o diagnóstico.

Dentre as obstruções de vias biliares, temos aquelas que não provocam icterícia e aquelas que provocam icterícia.

Obstruções que não provocam icterícia: do ducto cístico, que drena a bile da vesícula para o colédoco.
Obstruções que provocam icterícia: do ducto hepático comum, do ducto biliar comum ou do colédoco.

Pela ultra-sonografia, estas dilatações podem ser diagnosticadas pela visualização da imagem do “duplo cano”, que significa a dilatação do ducto hepático comum ou do próprio colédoco anteriormente à veia porta, ao nível do hilo hepático.

Causas de obstruções com icterícia:

1) Cálculos: localizados em qualquer porção do ducto hepático comum e do colédoco, inclusive encravado na papila de Váter.

2) Tumor hepático: comprimindo ou invadindo o ducto hepático comum, gerando obstrução.

3) Tumor de colédoco: pode obstruir sua luz.

4) Tumor de papila: é um tumor intestinal, obstruindo a papila de Váter.

5) Tumor de cabeça de pâncreas: tumor pancreático que ocorre em pacientes idosos, obstruindo ou invadindo a papila ou o colédoco.

6) Estenose do colédoco: várias causas, até obstrução por áscaris.

Freqüentemente, nos casos acima, é impossível o diagnóstico definitivo, porque os gases intestinais sempre atrapalham o exame desta região. Então, é obrigatória a avaliação da região do hilo hepático, procurando a imagem do “duplo cano”, que representa a veia porta e o colédoco dilatados.

Não esquecer de outra causa comum de icterícia, que é a hepatite. Porém neste caso, não ocorre dilatação de vias biliares.

Por fim, as dilatações de vias biliares intra-hepáticas:

1) Doença de Caroli: doença genética que causa dilatação segmentar dos ductos intra-hepáticos, levando à estase biliar, colangite, eventuais infecções bacterianas e formação de cálculos que geram sombreamento acústico posterior.

2) Obstruções do colédoco por qualquer causa, como cálculos, estenoses, tumores intrínsecos ou extrínsecos.

3) Colangite esclerosante: inflamação e fibrose de ductos biliares.

4) Adenocarcinoma e carcinoma de células escamosas: em qualquer ducto da árvore biliar intra-hepática, geram dilatações localizadas de graus variados.

5) Tumor de Klatskin: assintomático, carcinoma que aparece como um nódulo sólido na junção dos ductos hepáticos direito e esquerdo. Os sintomas somente aparecem quando já há um acometimento importante do fígado. Neste caso nota-se dilatação somente de vias biliares intra-hepáticas.

Acesso Rápido
Endereço

Rua Olavo Bilac, 906
CEP 14020-020
Ribeirão Preto - SP

*Próximo às avenidas: Independência e 9 de Julho.

Central de Atendimento
0800.183344

Fax
(16) 3632.4543

Telefones
(16) 3632.4543
(16) 3625.7795
(16) 3625.8051

Contato após às 18:00 h, sábados, domingos e feriados
(16) 99711 1299 - Paula Silveira







© 2010, CPU. Todos os direitos reservdos. Desenvolvido por G4web Agência de Internet.